A BMW já está importando a linha 2017 da S 1000R. A superesportiva recebeu alguns retoques na carenagem, que, segundo a BMW, reforçam o porte mais compacto da moto. O escapamento de titânio também é novidade e a naked ganhou um novo subchassi traseiro.

Mas o que vale destacar mesmo na S 1000R renovada são os cavalinhos a mais do motor. O quatro cilindros derivado da S 1000RR agora gera 165 cv, cinco a mais que o modelo anterior, com 11,6 kgfm de torque a estridentes 9.500 rpm. O câmbio Shif Assist Pro (que dispensa o acionamento da embreagem para trocar marcha), similiar ao das primas mais potentes, também recebeu atualizações.

A BMW S 1000R 2017 ainda conta com dois novos modos de condução esportiva: Dynamic e Dynamic Pro. As duas opções tornam a moto mais permissiva, enquanto os setups Rain e Road controlam as dosagens no acelerador, ABS e controle de estabilidade para amansar a monstrona.

A linha 2017 da BMW S 1000R será disponível em vermelho, cinza e tricolor, por R$ 62.900.