Pra quem curte os jipões, a Jeep finalmente vai mostrar a nova geração do Wrangler no próximo Salão de Los Angeles (EUA), que começa nesta sexta-feira (1º). Basicamente, o carro ficou com um visual um teco mais moderno, mas manteve o DNA off-road característico dele, e de quebra ganhou um motor turbão.

Você vai notar que mesmo com a silhueta mais quadrada, o jipe ganhou curvas mais redondas nas extremidades da carroceria e até na grade dianteira. Por dentro, a mudança foi bem mais significativa, ficando mais parecido com o que a gente conhece da marca pelo Renegade e Compass. Até a central multimídia Uconnect faz parte da gama do Wrangler agora. Os botões estão com um acabamento mais caprichado, que diminui aquele aspecto rústico que ele tinha.

Pela primeira vez, a plataforma do off-road vai contar com peças de alumínio, pra diminuir seu peso. Portas, capô e moldura do para-brisa são feitos com o material mais leve, mas a marca garante que essa dieta não afeta em nada o desempenho fora-de-estrada ele. Pelo contrário, ela diz que ele tem tecnologias ainda mais preparadas pra enfrentar o barro!

Nos Estados Unidos, o Wrangler vai contar com três opções de motores. Uma diesel 3.0 V6 de 263 cv, a conhecida Pentastar 3.6 V6 a gasolina de 288 cv (que passou por algumas melhorias pra ficar mais eficiente) e a novata 2.0 turbo de 273 cv. As opções de câmbio são manual de seis marchas ou automática de oito.