Hot hatches são especialidade dos europeus e a Peugeot é uma das marcas que contam com alguns clássicos nessa área, como é o caso do 205 GTI. A confiança é tanta na diversão que o carrinho entrega que estão tentando vender uma unidade dele nos Estados Unidos por 12 mil dólares (algo em torno de R$ 47 mil). Mas, segundo o site Carscoops, o proprietário dessa belezinha está tendo dificuldades em fechar negócio na terra dos muscle cars V-Oitões.

De acordo com o anúncio do modelo, esse Peugeot 205 GTI de 1989 tem quase 140 mil km rodados, mas, como você mesmo pode perceber pelas fotos, não foram todos originais. Aparentemente, o carro passou por uma temporada no japão no final dos anos 1990 e por isso voltou de lá com um toque asiático no visual: esse kit widebody da Dimma que certamente divide opiniões de quem admira o 205. Além desse kit, o hatch ainda tem um sistema de exaustão preparado da HP, suspensão e barras estabilizadoras da Sparco e todas Volk TE37 de 14”.

Para impulsionar o 205 GTi há um motor 1.9 de quatro cilindros que produz cerca de 130 cv, acoplado a um câmbio manual de 5 marchas. Não há informações se ele foi mexido, mas de qualquer maneira, considerando que ele pesa ao redor de 900 kg, dá para imaginar boa dose de diversão ao volante do hot hatch, que pode atingir os 100 km/h em menos de 8 segundos.

Diz aí nos comentários: se fosse no Brasil, você pagaria mais de R$ 45 mil num “peugeotzinho” desses?