Muita gente enaltece a Dodge por ter trazido de volta o Challenger com um visual bem retrô em 2008, prestando homenagem ao carro original da década de 1970. Mas há quem prefira o muscle car raiz mesmo. Só que naquela época o modelo não gerava metade do que ele é capaz atualmente. Até que alguém decidiu unir esses mundos e colocou num Challenger de 1970 um motor de um Hellcat de 2017. E essa beleza vai à leilão. As informações são do site Carscoops.

Esse Challenger clássico foi todo restaurado, mas não sem ter vários toques modernos como o estofamento interior de couro creme e iluminação de LED na cabine. O principal toque de contemporaneidade dele, porém, é o motorzão 6.2 V8 supercharged vindo direto de um SRT Hellcat. Ele tem os mesmos 716 cv de potência de um original de fábrica, mas com novo radiador e um câmbio Tremec manual de seis marchas. O modelo ainda conta com um conjunto coilover com amortecedores RideTech e discos de freio Wilwood.

Por fora o carro é todo pintado de preto, com faróis e capô modernos. Ele vai à leilão em Indiana, nos EUA, pela Mecum Auctions e deve ser arrematado por pouco mais de 65 mil dólares.