É melhor não subestimar um sleeper. Essa é uma lição bastante óbvia no mundo da preparação, mas ainda tem casos que surpreendem, como esse Seat Arosa, por exemplo. É provável que você nem se ligue que carro seja essa, e não tem problema não: ele foi a inspiração do Volkswagen Lupo europeu (outro desconhecido por aqui), numa época em que os alemães precisavam de um carro menor do que o Polo (ideia que germinou o Fox e, depois, o up!).

Enfim, o que interessa é que esse Arosa que você vê nos vídeos aí tá um com mexida profunda. Segundo o canal que subiu o vídeo dele na pista, o carrinho tá com um motor 1.8 turbo (um Garett GT28R) de 350 cv preparado pela Turbotechnik. Além do bloco novo, os caras instalaram novos bicos injetores (de maior pressão), downpipe de 70 mm, intercooler maior, novo coletor e um novo sistema de exaustão.

Deve ter sido um trampo pesado meter um blocão desses num cofre que originalmente abrigava um 1.0 de 45 pôneis.

O bichinho também tá com freios de Audi S2, pneus semi-slick e, certamente, com um setup de suspensão mais firme, porque o carro rola bem menos do que o esperado dele de fábrica. Assim, ele consegue manter o ritmo dos outros esportivos em Nürburgring. Nada mau, diz aí!