Da Redação / Fotos: Leonardo Figueira

Quando o Chevrolet Kadett chegou em 1989, foi um fôlego de renovação na estagnada indústria automotiva nacional. A versão topo de linha GS, com motor 2.0, era o sonho de consumo da molecada. Para reviver essa época, fomos até Curitiba (PR) e mostramos um exemplar perfeito da coleção FAC-FCC. Assista no vídeo os detalhes deste clássico nacional.

O Kadett 91 que aceleramos tem vários detalhes especiais, como o teto solar opcional, o sistema de som que comporta várias fitas cassete, antena de rádio elétrica e bancos Recaro envolventes e com padronagem de tecido bem marcante. Por ser GS, o Chevrolet tem para-choques exclusivos na cor da carroceria, faróis e lanternas de neblina, saias nas laterais, faixa preta na tampa do porta-malas (logo abaixo do característico aerofólio), fendas no capô e rodas de alumínio com 14 polegadas.

KADETT-GS-FULLPOWER

BX Castor_610x200

O quatro-cilindros 2.0 carburado do GS gerava 110 cv com etanol. Porém a Chevrolet precisou mudar algumas características para melhorar consumo e o desempenho. É por isso que o Kadett do vídeo bebe só gasolina, tem 99 cv e teve mudanças no diferencial mais longo e com novo jogo de pneus. Com isso, o hatch melhorou na aceitação do público.

KADETT-GS-FULLPOWER-2BX ClickEscape_610x200
KADETT-GS-FULLPOWER-3

BX GGRodas_610x200

KADETT-GS-FULLPOWER-4